30 May 2009

O dia da decisão - Manaus 2014

Hoje é um dia diferente dos outros.  Todos os dias somos indivíduos; hoje somos cidade.  Todos os dias vivemos na cidade; hoje nos orgulhamos dela.  Todos os dias avançamos passo a passo; hoje saltamos.  Todos os dias nossa cidade é nossa companheira; hoje é nossa filha.  

Às 1430 horário Manaus a FIFA fará uma coletiva de imprensa na qual serão anunciadas as 12 cidades sede da Copa de 2014.  Torcemos para que sejamos declarados anfitriões do maior evento do mundo.  

Nunca foi tão justo declarar tremendo orgulho de ser amazonense e manauara.  Olhemos um instante ao passado.  Construímos uma cidade que, com todas as imperfeições, está dentre as principais do Brasil.  Quem diria, nos idos de 1930, em meio ao colapso da borracha, que um dia nos recuperaríamos.  Quem diria, nos idos de 1990, em meio a um pólo industrial ferido, que nos recomporíamos.  O fizemos, avançamos com as escolhas positivas de cada cidadão: a cada amazonense buscando a universidade, a cada ato de gentileza, justiça e caridade, com cada pai e mãe sentando para educar seus filhos, com cada dia de trabalho.  É triste mas importante lembrar que também retrocedemos com cada roubo, propina e ato de injustiça e grosseria.  Demos as boas vindas a todos, incluindo cearenses, paraenses, japoneses, americanos, ingleses, paulistas, chineses, sírio-libaneses, portugueses, judeus, peruanos, coreanos e paranaenses, dentre muitos outros que se juntaram aos habitantes originais indígenas. 

No presente, nos reunimos para possivelmente extravasar por um instante.  Estaremos em vigília no estacionamento do Vivaldão, você convidado.  A candidatura de Manaus, é importante lembrar, contou com o apoio de todos, sem excessões: sociedade civil e governos, situação e oposição, capital e trabalho.  Neste momento estático de nosso destino, estamos juntos.

A partir de agora é natural e desejável que haja mais divergência (no caso de sermos selecionados cidade-sede), dado que as decisões afetarão a todos e vivemos em democracia.  Temos muitas decisões importantes a serem tomadas: como revitalizar o centro histórico, como melhorar a mobilidade urbana, como planejar o outro lado do rio, são perguntas que figuram entre as 26 frentes de trabalho exigidas pela FIFA para uma cidade sede.  Apenas para conhecimento, listo os 26 requisitos: estádio, entorno, transporte público, centros de treinamento, parque de eventos FIFA, infra-estrutura de suporte, tecnologia de informação, acomodações, turismo, marketing, embelezamento, saúde publica, gerenciamento de riscos, eventos FIFA, segurança, legislação, voluntariado, sustentabilidade, gerenciamento de custos, eventos de negócios, portos e aeroportos, suprimentos, cultura, legados, coordenação local e financiamento.  

Ao mesmo tempo em que decidimos democraticamente nosso futuro coletivo nestas 26 frentes, há frentes de trabalho pessoal.  Talvez não sejam tão numerosas, mas definitivamente são mais importantes.  Desde o lixo nos igarapés e roubos residenciais ao pagamento de propinas e não-exigência de nota fiscal, a responsabilidade é tanto do Governo quanto dos cidadãos.  Destaco entretanto um requisito principal para que sejamos em 2014 e no futuro além, a cidade que queremos ser: o caráter de nossas crianças.  Pais se preocupam muito (e corretamente) com a formação acadêmica e profissional de seus filhos, sempre na busca de que os filhos sejam mais que os pais.  É confortante escutar de alunos na UEA ou outras universidades que eles são o primeiro da família a ter curso superior; certamente não serão o último.  Entretanto, ética e bondade não estão só ligadas com o volume de educação acadêmica que uma pessoa recebe; valores são muito mais profundos e em geral transmitidos por pais.  Temos então perguntas: quanto tempo você gasta com seus filhos lhes transmitindo bons valores éticos?  Você repreende seus filhos por um ato de egoísmo com a mesma severidade que trata uma nota baixa na escola?  De respostas corretas depende nosso futuro como cidade.

Queremos uma Manaus nova para receber a Copa.  É justo que você participe da concepção e execução desta nova cidade.  Mas você tem deveres hoje também, alem de não conduzir bêbado de alegria.

Reação:

5 comments:

  1. Denis,

    Segundo o Ancelmo Gois (O Globo), receberemos a Copa em 2014, sim.

    Beijo.

    ReplyDelete
  2. Denis,

    Alguns amigos comentaram que o governo irá disponibilizar cursos gratuitos de inglês para a população.

    Esta informação procede ?

    Como podemos obter maiores informações sobre o processo de voluntariado na copa ?

    Tenho amigos que possuem um inglês excelente, entretanto não possuem "curso" algum =/

    como eles ficariam ?

    Obrigado pela atenção !

    ReplyDelete
  3. Prezado Rodrigo,

    Temos hoje 26 frentes de trabalho, uma das quais é voluntariado. Ainda não definimos os critérios para aceitação de voluntários; precisaremos de 10 mil no total. Adianto que inglês é fator importante, dado o volume de turistas estrangeiros. Assim que houver esta definição (que deve ser em 2010) devemos divulgá-la amplamente.

    Abraços e obrigado pelo interesse.
    Denis

    ReplyDelete
  4. Denis,

    Acabo de ler matéria publicada no jornal A Crítica destacando sua participação direta nas futuras ações de trabalho relacionadas à COPA de 2014.

    Pelo que julgo ter compreendido, em meio às estratégias que serão elencadas, adotarás uma política de gestão participativa através da criação de grupos de trabalho formado por atores de diversas áreas do segmento político e sócio-econômico do Estado, a fim de permitir celeridade e qualidade na implementação e conclusão das 26 frentes de trabalho apresentadas pela FIFA.

    Como representante da entidade que fomenta o turismo náutico no Estado do Amazonas, Associação dos Operadores de Barcos de Turismo da Amazônia – AOBT/AM, cumpre-me parabenizá-lo por mais uma brilhante conquista e, reiterar nossa admiração e gratidão pelo incondicional apoio que tens dispensado aos nossos anseios. Coloco-nos, reciprocamente, à sua disposição.

    Que Deus o ilumine sempre e o mantenha firme na busca de seus ideais.

    Leonardo Leão – presidente – AOBT/AM.

    ReplyDelete
  5. Conheça o novo portal de Turismo do Amazonas.

    www.visitamazonas.am.gov.br

    ReplyDelete